sexta-feira, 25 de outubro de 2013

Caligrafia

Carpas Amarelas - Nadir Ferrari

Para Nydia Bonetti


é preciso tão pouco

a água da chuva
a sutileza do rio
a quietude da pedra

ser o silêncio
antes do jorro

um sumi-ê de peixes
ou pássaros


5 comentários:

Cynthia Lopes disse...

Uma delicadeza!

Lunna disse...

Mas mesmo sabendo, a gente se demora a perceber, não é mesmo? bacio

Assis Freitas disse...

um poema sutil como a poesia de Nydia
encontro de caligrafias delicadas


beijo/beijo/beijo

bonetti arquitetura disse...

Vim ler mais uma vez. Tão bonito... Obrigada, Dani. Beijos!

Germano Xavier disse...

Um ir sem volta.

Postar um comentário