segunda-feira, 25 de novembro de 2013

Por Alejandra

Alejandra Pizarnik. Imagem: Google - sem informação de autoria

posso ouvi-la dizer:
- o amor é dos que se olham

do outro lado do rio
à altura de meus segredos
não são seus olhos

ele me olha
com seus silêncios 

5 comentários:

Adri Aleixo disse...

Lindo, Dani.

Fred Caju disse...

Só vim descobrir ela esse ano. Ela é muito grande.

Leandro Diniz disse...

Tome cuidado para não cair em um hermetismo...

Bessa disse...

Os silêncios sempre interrogam o porque de ser mudo o indizível.

Um texto muito rico e sensível, Daniela. encantou-me.

Um carinhoso abraço, bom fim de semana.
André

Germano Xavier disse...

O amor é o homem no último andaime do edifício em construção.

Postar um comentário