domingo, 31 de maio de 2015

Onda

Google - sem informação de autoria


à pedra não pese a palavra
a duração do silêncio
do chumbo, do polietileno

à pedra não pese a lembrança
o passo estridente da noite
o andar abatido dos vivos
o corpo, o fogo, a rosa

há coisas que movem em ondas:
som sol sismo serpente

como dizer amor
sem pesar seu nome?

terça-feira, 5 de maio de 2015

A seta

Imagem: Daniela Delias


ela lambe meus pelos
meus calcanhares feridos
é quando sonha labirintos
entre o corpo e a seta

a despeito 
da mira dos deuses
da fúria dos homens 
da cura, das profecias

nas dobras de sua língua
a noite resiste e move